quinta-feira, julho 01, 2010

284/2010 - orgulhosos, honrados e prestigiados

Para Queiroz deveríamos estar orgulhosos, honrados e prestigiados.
Nas imagens (há um pequeno anúncio publicitário no início, a seguir começa o show CRzero) podemos ver o nosso capitão a prestigiar-nos, ó que bem que nos prestigia.

6 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Sabe aquela historia do sapateiro marreco ? Não deve saber… mas eu conto:
Havia um sapateiro numa aldeia que toda a população respeitava, era um homem que ninguém poderia apontar algo de mal, simpático, trabalhador, amigo do amigo tudo de bom, mas as pessoas chamavam-lhe “marreco”, pois ele era mesmo marreco. Todos os dias lá pelas 6 da manha o “marreco” levantava-se para iniciar mais um dia a arranjar sapatos, e todos os dias todas as pessoas que passavam na rua perto da sua oficina diziam : “ Bom dia oh marreco, até logo oh marreco…, Tás bom oh marreco… descansa um bocado marreco… marreco, marreco…“ até que um dia um vizinho ao passar junto á sua oficina logo pela manha disse : “Ganda marreco, porra é só ganhar dinheiro oh marreco…” O Marreco naquele dia não estava nos seus dias, projectou o martelo que tinha na mão o mesmo embateu na cabeça do vizinho e este acabou por falecer. O marreco aquela pessoa simpática, respeitada, trabalhadora… tinha acabado de matar uma pessoa, como é possível ninguém poderia acreditar no sucedido.
PERCEBEU? ou quer que lhe conte como o marreco, o sapateiro foi absolvido em tribunal??

quinta-feira, julho 01, 2010 2:20:00 da tarde  
Blogger manuel marques said...

Gestos á parte,pois quem os pratica é que fica com eles,sou da opinião que todos os equívocos do Professor, além de lesarem a Selecção nacional lesaram em particular o Ronaldo.

Abraço.

quinta-feira, julho 01, 2010 7:18:00 da tarde  
Blogger pedro oliveira said...

Excelente metáfora.
Nessa história nós, os contribuintes, somos «o marreco»; ele Cristiano Ronaldo é o vizinho que passa a vida a aporrinhar os outros a dizer-se o melhor do mundo a mandar «soltar os fogos».
Metaforicamente, este «post» vai ao encontro da sua história, é como se de repente nós «o marreco» tivessemos perdido a paciência para estes «ídolos».

quinta-feira, julho 01, 2010 7:20:00 da tarde  
Blogger pedro oliveira said...

Nesse particular, não estou de acordo,camarada.
Toda a gente sabe o que penso sobre a competência técnica e as qualidades de liderança do «professor de ginástica»,contudo, ali para o bem e para o mal era ele que mandava.
Cristiano Ronaldo jogou muitas vezes no Manchester na posição que Queiroz o colocou a jogar contra o Brasil; nos outros jogos jogou na sua posição «normal» portanto acho que não foi por aí.
O «post» era uma reflexão sobre o Ronaldo capitão, era essa a questão.

Um abraço, camarada

quinta-feira, julho 01, 2010 7:41:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Censura, ah pois é.

O dignissimo só publica o que quer, e "marrecos" somos todos os que ainda lemos este espaço de devaneios.

Bem haja, criador de cabras.

quinta-feira, julho 01, 2010 9:00:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Dia do Julgamento do Marreco:
Juiz: Tem a palavra advogado de defesa ,

Advogado defesa. Muito bom dia V. Exa meritíssimo Sr Dr. Juiz,

Após estas palavras o advogado senta-se. Passam-se 20 segundos:

Advogado defesa: Muito bom dia V. Exa meritíssimo Sr Dr. Juiz,

Mais uma vez o advogado senta-se. Mais uns segundos e :

Advogado defesa: Muito bom dia V. Exa meritíssimo Sr Dr. Juiz,

Bem todos os presentes começaram num certo “sururu” um pouco irritados “ mas este gajo não diz mais nada…”

Mais uma vez o advogado levanta-se e :

Advogado defesa: Muito bom dia V. Exa meritíssimo Sr Dr. Juiz,
Bem foi a gota de agua.

Juiz (irritado): Oiça lá mas o Dr. não desenvolve só diz “Muito bom dia V. Exa meritíssimo Sr Dr. Juiz” vamos lá que nós todos temos mais que fazer.

Advogado defesa: Meritíssimo, eu advogado de defesa do acusado por homicídio meu cliente “ o marreco” estou a cumprimentá-lo com todo o respeito e V. Exa fica irritado ? Então explique-me como fica o meu cliente ouvindo todos os dias “ bom dia oh marreco, tas bom oh marreco,…. oh marreco….”

Como é possível uma pessoa estar constantemente a ser massacrada e não reagir…?

Você é um bom exemplo disso, sabe por quê? Porque muitos comentários não os publica por que “ irrita-se ” acha-os “mal educados”.

sexta-feira, julho 02, 2010 8:35:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

não é o fim, nem o princípio do fim, é o fim do princípio