segunda-feira, outubro 17, 2011

0130/2011 - a minha terra, a nossa terra e a terra deles

conhecer.
conhecermo-nos.
conhecer a nossa terra, a minha terra.
conhecerem-nos.
conhecerem a nossa terra, a minha terra.
conhecerem, desconhecendo os estreitos caminhos e a periclitante ponte que liga a casta ao mundo.
há caminhos estreitos.
há quem os tente alargar... estreitando-os.

2 Comments:

Blogger manuel marques said...

Um abraço camarada.

quarta-feira, outubro 19, 2011 8:46:00 da tarde  
Blogger pedro oliveira said...

Obrigado pela visita, camarada.

Um grande abraço, também

(boa sorte para amanhã, saudações leoninas)

quarta-feira, outubro 19, 2011 8:54:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

não é o fim, nem o princípio do fim, é o fim do princípio