quinta-feira, fevereiro 18, 2010

67/2010 - figo, figorão ou figorinha

Estão bem um para o outro.
O brinquedo que o ex-capitão da selecção da república segura tem numa das extremidades um símbolo.
Um símbolo de dor, de intolerância, de buiças fardados.
Sócrates e Figo... a mesma luta.

Nota: A podridão em que nos obrigam a viver, talvez, seja entendível se lermos o «post» e o comentário que escrevi há mais de três anos... sou um puto duma aldeia, solidário, com os sorrisos que choram; solidário com o Zé Pratas, cagando-me (salvo seja) para o idolatrado figo.

8 Comments:

Blogger manuel marques said...

Será que estes gajos só vêem dinheiro,e a dignidade aonde é que ela entra ?

Abraço e bom fds.

sexta-feira, fevereiro 19, 2010 9:16:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ao autor do blog: já pensou que Figo tem uma família, esposa, duas filhas, que gostam tanto de ver o pai achincalhado por pessoas que nem o conhecem como o senhor gostou de ver aqui há algum tempo o nome do seu pai referido? Não encontra melhor para fazer que criticar?

sábado, fevereiro 20, 2010 7:55:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Não há nada criticável na sua própria vida?

sábado, fevereiro 20, 2010 7:55:00 da tarde  
Blogger Rosa Oliveira said...

Este comentário foi removido pelo autor.

sábado, fevereiro 20, 2010 10:25:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

De facto, há gente que não presta.

domingo, fevereiro 21, 2010 3:44:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Figurão, em definitivo. E sem qualquer rasto de educação ou sensibilidade.

domingo, fevereiro 21, 2010 11:33:00 da tarde  
Anonymous novaes said...

Ai, Pedro!! O menino anda a grangear uns inimigozinhos. Nota-se à distância que os anónimos estão cheios de dor de cotovelo e, à falta de melhor, pegam-lhe por aqui. eh, eh, eh.
Como diz a sabedoria popular, os cães ladram a caravana passa.

segunda-feira, fevereiro 22, 2010 12:47:00 da manhã  
Anonymous novaes said...

Desculpe o mau jeito e o erro.
Da próxima prometo não trocar o jota pelo gato.

segunda-feira, fevereiro 22, 2010 12:50:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

não é o fim, nem o princípio do fim, é o fim do princípio