domingo, fevereiro 21, 2010

68/2010 - água, líquido doce, salgado que nos transborda dos olhos



4 Comments:

Blogger manuel marques said...

Alguns pressentem a chuva; outros contentam-se em molhar-se ...

Abraço.

segunda-feira, fevereiro 22, 2010 8:29:00 da tarde  
Blogger manuel marques said...

O Camarada Camões já está de molho?
talvez molhe os pés esta noite.

segunda-feira, fevereiro 22, 2010 8:39:00 da tarde  
Blogger pedro oliveira said...

Não, camarada.
Por enquanto «pézinhos no rio» só mesmo o nome da esplanada (herdeira da saudosa esplanada coberta com canas e com bancos de tábuas feitos).
Palpita-me que hoje muitas estruturas construídas no leito de cheia do Rio fiquem de molho como a verga antes de ser trabalhada.

segunda-feira, fevereiro 22, 2010 8:47:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Já que se fala em saudades da terra, como eu tenho saudades das ruas da Portela com sossego,sem carros e outras coisas parecidas estacionadas.

Será que ninguém têm coragem de disciplinar o trânsito desta terra?? Há que saudades do ....

Um Portelense de GEMA.

terça-feira, fevereiro 23, 2010 1:24:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

não é o fim, nem o princípio do fim, é o fim do princípio