quinta-feira, fevereiro 25, 2010

73/2010 - gostaria de te ver chorar, hoje, três lágrimas

Os adultos não gostam quando as crianças choram.
Há uma criança, uma menina, que eu queria ver com lágrimas nos olhos.
Três lágrimas.
Seria sinal que estaria viva.
Mostrar-nos-ia que são muito mais importantes três lágrimas choradas por uma criança, que três gritos de alegria soltados por adultos que pedem às bolas para se aninharem nas redes, três vezes.

3 Comments:

Anonymous Luis Varino said...

Duas histórias bem diferentes, mas que têm duas coisas em comum:
Uma, um jogo soberbo do meu (nosso) Sporting, que jogou hoje como esta equipa sempre deveria de jogar.
Outra, uma criança. que por desleixo dos pais, ninguem sabe o que lhe aconteceu, se está viva, se está morta, mas que de certeza não merecia o fim que teve.
Partes comuns, o Everton e a criança, quer da Maddie quer de algumas crianças mimadas do Sporting que já pensam que são adultos e que querem "cuspir" no prato que lhes deu de comer.

Bom post.

Um abraço

quinta-feira, fevereiro 25, 2010 10:36:00 da tarde  
Blogger pedro oliveira said...

Nem mais, Luís.
Começo a pensar que os nossos meninos se estão a especializar em vencer equipas de azul e branco.
Por falar em meninos e em azul e branco; o nosso Telmo lá cilindrou, novamente, o Belenenses de Rui Jorge (e não lhe rasgou a camisola)agora para a Liga Intercalar, aquilo está a Mexer.

sexta-feira, fevereiro 26, 2010 7:24:00 da manhã  
Blogger manuel marques said...

Bom fim de semana camarada.

Abraço.

sexta-feira, fevereiro 26, 2010 8:05:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

não é o fim, nem o princípio do fim, é o fim do princípio